Notícia

Mercedes-AMG apresenta ao público o hipercarro Project One

Publicado: 13 de setembro de 2017 - Por: Redação

O modelo surpreende ao atingir mais de 350 km/h

Antes mesmo da abertura do Salão de Frankfurt, na Alemanha, o chefe da Mercedes, Dieter Zetsche, revelou ao público o novo hipercarro da marca, o Project One.

O modelo, que pode rodar até 25 km em modo elétrico, surpreende ao ir de 0 a 200 km/h em menos de 6 segundos, atingir uma velocidade máxima de 350 km/h e trazer mais de 1.000 cv embaixo do capô."Este carro fará todos os limites anteriores da AMG e da Mercedes parecerem pequenos", reforça Zetsche, adiantando que ele será "o mais eficiente" hipercarro do mundo.

É impossível olhar para o carro e não lembrar dos protótipos de endurance. Toda a carroceria é um monocoque de fibra de carbono com um desenho aerodinâmico que corta as estradas. Para-lamas que contornam as rodas, lanternas traseiras finas e esculpidas e uma entrada de ar no teto para alimentar o motor 1.6 turbo V6 traseiro (derivado dos motores da Mercedes F1) completam o visual impactante do modelo. Regido por uma caixa automatizada de oito marchas exclusiva do projeto, o hipercarro tem injeção direta e um sistema de sobrealimentação comandado por um turbo elétrico turbocompressor. Segundo a Mercedes, esse acionamento elétrico garante respostas em baixa muito mais rápidas quando comparadas às de um V8 aspirado. Fora isso, ainda há outro motor elétrico associado ao a combustão, totalizando 680 cv só na traseira.

Por fim, mais dois motores elétricos do Project One localizadas nas rodas dianteiras do veículo completam a máquina de força do hipercarro. Eles possuem 163 cv (cada) e giram a 50.000 rpm. Baterias de íon-lítio guardam a força dos motores. O chefe da marca afirma que 80% da energia de frenagem pode ser enviada para essas baterias, que sozinhas possuem 100 kg e tem 4 vezes mais células que a usada no Mercedes F1 W06. O sistema elétrico opera com o dobro da capacidade normal encontrada em carros elétricos (400 volts).

No total, o incrível Project One rende cerca de 1.006 cavalos de potência.

A suspensão pushrod regulável nas rodas e o câmbio automatizado de 8 marchas mantém o estilo motorsports da plataforma. As rodas de alumínio forjado são de 19'' com 10'' de largura na dianteira e 20x12'' na traseira, ambas com pneus Michelin Pilot Sport Cup 2. Freios de carbono-cerâmica são itens de série.

Em seu interior, o hipercarro conta com uma cabine funcional, trazendo um volante inspirado na F1, um grande mostrador digital para instrumentos e um segundo no topo do centro do painel. Os bancos são tipo concha revestidos de microfibra para "segurar" o corpo dos ocupantes e os pedais e volante são ajustáveis para as diferentes necessidades dos motoristas.

Os valores de produção são extremamente limitados, apenas 275 unidades serão colocadas no mercado. Custando em média R$ 7, 4 milhões (US$ 2,7 milhões), o hipercarro fará, segundo Zetsche, "alguns apaixonados por carros tristes, e outros felizes", já que todas as unidades do veículo parecem já ter sido vendidas.

O lançamento da Mercedes traz um pouco de esperança àqueles que sonhavam em ver a tecnologia da Fórmula 1 nas ruas. Ficou animado? Comenta aí!

Mercedes Project One salão de Frankfurt

Notícias Relacionadas